Quebra de recordes e égua milionária marcam Potro do Futuro

Encontro da raça Quarto de Milha teve transmissão ao vivo pelo Canal Rural no último sábado (14)

Encontro da raça Quarto de Milha teve transmissão ao vivo pelo Canal Rural no último sábado (14)

Foto: Miguel Oliveira

Pela segunda vez neste ano, o Canal Rural transmitiu um evento oficial da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM). Sediada no município de Avaré, interior de São Paulo, a programação teve duas horas de duração, das 11 às 13 horas, no último sábado (14). Centenas de telespectadores participaram enviando mensagens através das redes sociais e do WhatsApp.

O encontro reuniu os três eventos realizados simultaneamente no Parque de Exposições Fernando Cruz Pimentel e que fecham o calendário de eventos oficiais da ABQM em 2017: 38º Potro do Futuro, 3º Derby e 11ª Copa dos Campeões da raça Quarto de Milha.

O programa transmitido pelo Canal Rural teve entrevistas com personalidades do cavalo, dirigentes da ABQM e atletas que se destacaram na edição deste ano. Um estúdio para acomodar os entrevistados foi montado na arena de velocidade, onde aconteceram as finais da modalidade três tambores desde às 8 horas daquela manhã. Na apresentação, Fabiana Bull Haik, âncora do programa veiculado pelo Canal Rural aos sábados – TV Quarto de Milha, e a repórter do Canal Rural, Bárbara Siviero.

Para abrir as entrevistas e ouvir todo o know-how dos convidados, Fabiana recebeu o presidente da ABQM, Fábio Pinto da Costa. Desde 2015 na presidência, ele deve deixar o cargo no próximo ano, quando seu sucessor assumir. “Foram anos de aprendizado e muita luta. E agora mais um evento gratificante, com recorde no número de inscritos, superando os alcançados na Nacional e no Congresso da raça”, informou Fábio com entusiasmo.

Fábio Pinto da Costa sendo entrevistado por Fabiana Bull Haik (Foto: Jean Vasconcellos)

Entre os momentos que mais marcaram sua gestão está a regulamentação dos esportes equestres no Brasil. “Foi o maior desafio. A inserção do esporte equestre na Constituição Brasileira. isso foi sem dúvida a maior conquista para todas as raças”, completou Fabinho, como é conhecido por todos, ressaltando ainda as modalidades que tem mais apreço: “gosto muito do tambor, da apartação, da [prova de] seis balizas…”, finalizou.

Entrevistado também pela Fabiana, Régis Fratti, Conselheiro da ABQM, fez questão de destacar esta conquista e afirmou: “agora lutamos pela regulamentação definitiva de todas as modalidades. Estamos criando um projeto de lei para que cada modalidade tenha suas regras regulamentadas pela Constituição. Uma forma de assegurar nossos esportes”.

Régis falou ainda sobre o crescimento da Associação, dizendo que a “ABQM é constituída de grandes, médios e pequenos criadores. E temos que ter uma política voltada para todos”.

 “Crescemos assim pelo amor que temos pelo cavalo, pelo esporte. Chega o último dia e já queremos o próximo. Tudo isso também porque o nível de criação melhorou muito. O nível de competidores e o preparo das pistas veio junto”, afirmou ainda Paulo Farham, um dos principais criadores da raça, ex-presidente da ABQM e integrante do Conselho da Associação.

Atualmente, a ABQM possui 68 núcleos espalhados em todo território nacional. São mais de 535 mil animais registrados pelo Stud Book, 33 mil sócios, 106 mil proprietários e 52 mil criadores.

A explicação para o crescimento do Quarto de Milha no Brasil está no nível dos animais inscritos no campeonato, que neste ano, como o presidente Fábio salientou, bateu recorde histórico. o número dos conjuntos inscritos passou dos 5 mil.

Égua diferenciada

Égua B2B Lovers Girl (Foto: ABQM/Divulgação)

A égua B2B Lovers Girl foi um dos destaques no evento e na programação. Ela é campeã de todos os últimos eventos oficiais da ABQM: Potro do Futuro 2016, Congresso Brasileiro 2017, Nacional 2017 e Copa dos Campeões deste ano.  Ela também bateu seu próprio recorde de pista, finalizando a prova em 16s578. Seu conjunto e treinador, Edson Carlos Santos, comentou os resultados obtidos com a égua. “A Lovers vem se mantendo desde o primeiro ano, desde seu primeiro Potro. Mas logo que eu montei nela notei potencial”, confirmou Carlinhos.

Filha de Tux N Rolls e Magnolia Shady, Lovers Girl tem apenas seis anos, e se depender da proprietária Renata Lauck Souza, ela não para por aqui. “Agora ela vai sim entrar na reprodução, mas logo depois voltamos aos treinos. E as provas vão continuar”, confirmou Renata, que se preparava para competir com a mesma égua na categoria amador e feminino do Derby.

Competidores baixam o tempo nas pistas

A pista preparada em todos os campeonatos do cavalo Quarto de Milha tem sido, cada vez mais, um grande diferencial, principalmente para os competidores que buscam baixar o tempo e precisam de velocidade. Aliado a isso, outro fator fundamental é a nutrição. Um animal com alimentação balanceada certamente trará resultados positivos. Este foi um dos assuntos também abordados durante a transmissão. Para falar sobre isso, a repórter Bárbara Siviero conversou com o representante comercial da Supra, Fábio Oliveira. “São animais de explosão e cada animal necessita de um tipo de fonte energética muito alta, por isso temos que ajustar isso, pois existem rações específicas”, completou Oliveira, ressaltando a importância do acompanhamento veterinário. “Um dos nossos diferenciais é a parte de consultoria.

E falando da importância dos especialistas, outro entrevistado foi o médico veterinário Reinaldo de Campos. Ele é o responsável pela equipe que cuida dos animais dentro do Recinto da Emapa, local sede da competição. Em seus 15 anos de trabalho nos eventos oficiais da raça Quarto de Milha, ele informou a diminuição expressiva no número de atendimentos. Tudo graças a prevenção. “Para termos uma ideia, hoje estamos no penúltimo dia de provas e, até agora, dos mais de 2 mil animais em pista, sem contar os mais de 300 animais dos leilões, só tivemos 60 atendimentos”, finalizou.

Além de Reinaldo, a equipe conta ainda com mais três médicos veterinários e 15 residentes (estudantes universitários).

Loura Voadora, a égua milionária de avaré

Égua Callmeasissyagain (Foto: ABQM/Divulgação)

Durante os eventos do cavalo Quarto de Milha, além das provas, sediadas dentro das três arenas, acontecem os leilões oficiais da raça. Nesta última edição, batendo mais um recorde no evento, o Leilão Campeões do Futuro, realizado no último dia 11 de outubro, teve quebra de recorde de preço. A égua Callmeasissyagain foi arrematada por R$ 1.380.000,00.

O preço milionário é o maior da história dos leilões realizados pela ABQM. Ofertada pelo Haras Two Brothers, um dos anfitriões do pregão, o último lance foi de Nadiesda e Ângelo Coutinho, de Colatina (ES).

Conhecida como Loura Voadora, a égua de pelagem palomina é filha de Fash Ta Fame com Sissys Little Coin, que soma 327,25 pontos pela ABQM, além de ganhos de R$ 141 mil pelo SGP Sistema. Ainda segundo os registros da Associação, ela tem 12 tempos na casa dos 16 segundos nas provas de três tambores, é detentora de Registro de Mérito Superior da ABQM e acumula os títulos de campeã da Copa dos Campeões, Congresso Brasileiro, Show AQHA e Campeonato Paranaense.

Destino campeão

Treinador Sidnei Pereira Júnior (Foto: ABQM/Divulgação)

Depois de bater o recorde no preço do remate pela Callmeasissyagain, os criadores Nadiesda e Ângelo Coutinho também fizeram um recordista nas pistas dos três tambores. Brutusdash Horizonte, filho de Dash Ta Fame e Streakin Fire, marcou o menor tempo da história dos campeonatos em Avaré. A marca foi de 16s567 na condução do treinador Sidnei Pereira Júnior.

No mesmo dia, Sidnei já tinha batido o recorde ao marcar 16s869 na sela do Amous By Corona EK. Ele contou tudo, ao vivo, pelo Canal Rural, à repórter Bárbara Siviero.

“Já estão comentando que Sidnei pode ser um segundo Vaguinho”, disseram em coro alguns competidores que assistiam às provas. Mas para isso tem que correr muito, pois Vagner Simionato é o mais pontuado pelo Ranking ABQM. Posição que ocupa junto com a égua Tapioca. Os dois também participaram da transmissão.

Repórter Bárbara Siviero com a égua Tapioca e o treinador Vaguinho

A evolução dos paratletas

Gabriel Claro, paratleta (Foto: ABQM/Divulgação)

No ano passado, a ABQM iniciou um projeto para incentivar a prática dos esportes para paratletas. Muitos pediam por uma competição justa, mas que trouxesse as regras normais da competição e com equidade. Na edição do Potro do Futuro deste ano, a categoria está consolidada e recebendo mais inscrições. A notícia foi passada pela coordenadora, Natasha César, e pelo competidor paratleta, Gabriel Claro.

Além de conquistar a primeira colocação da categoria por duas vezes consecutivas, este ano Gabriel foi campeão na Copa dos Campeões pela categoria aberta júnior de western pleasure. “Estou muito feliz. Sonhei muito com esta vitória. Entrei para ganhar, mas o esporte não é só isso. Temos que entrar para competir, seja vencendo ou perdendo. O importante é ser feliz”, concluiu o atleta, que neste ano representou os paratletas no Panamá, conquistando a posição de reservado campeão.

Mas, apesar da euforia dos competidores, a coordenadora da categoria, Natasha César, pede atenção aos procedimentos. “Gostaria de aproveitar para salientar a importância da avaliação handicap. Ela é importantíssima porque somente após a avaliação você poderá competir”, confirmou.

Caso necessite de informações sobre a avaliação, entre em contato com a ABQM.

 

Por Bárbara Siviero | Canal Rural

Próximos Leilões

17 AGO 20h00

Londrina (PR)

Leilão Virtual Top Matrizes Paranoá Senepol

Canal do Criador | Lance Rural

17 AGO 20h30

Londrina (PR)

2º Leilão Precocidade Colonial

Canal Rural | Lance Rural

18 AGO 19h00

Porto Alegre (RS)

Remate Gado de Corte

Lance Rural

18 AGO 19h00
18 AGO 20h30

Uberaba (MG)

Leilão Virtual Top Tulipa Nelore P.O

Canal Rural | Lance Rural

19 AGO 14h00

Cruz Alta (RS)

Remate de Gado Geral Cambará

Lance Rural

19 AGO 20h30

Uberaba (MG)

Leilão Rancho Boi Bravo Expogenética & Convidados Especiais

Canal Rural | Canal do Criador | Lance Rural

19 AGO 21h00

Trindad (BO)

Mega Toros Beni

Lance Rural